{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1200px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

    Welcome back to Brazil!

    by Rico Matinal | 2 de Dezembro, 2020

    Confira o Rico Matinal de hoje - 02/12/2020

    RicoMatinal_03

    Insight Rico: Welcome back to Brazil!

    (por Betina Roxo) 

    Novembro marcou a melhor performance histórica em um mês do Ibovespa desde 2002, com alta de 15,9% (e +23,9% em dólares). Esse aumento também foi muito impulsionado pelos gringos, bem diferente da movimentação do ano inteiro.

    giphy-Dec-01-2020-11-44-41-96-PM

    De janeiro até outubro, os investidores estrangeiros retiraram da Bolsa brasileira mais de R$ 65,3 bilhões. Toda essa saída de dinheiro fez com que a nossa Bolsa fosse a pior do mundo em performance até o mês passado. Contudo, em novembro, vimos uma entrada de capital estrangeiro de cerca de R$ 30,0 bilhões, que representa um aumento de +946,2% em relação a outubro (+R$2,8 bilhões) e R$34,7 bilhões acima do saldo de todo o ano de 2019 (-R$4,7 bilhões)!

    Há três principais razões para essa entrada representativa dos gringos em novembro:

    • Fim das incertezas advindas das eleições americanas com a eleição de Joe Biden;
    • Apesar do avanço do coronavírus nos Estados Unidos e na Europa e, com ele, o medo de uma segunda onda global, as notícias de 3 vacinas já na última etapa antes do registro para uso (Pfizer + BioNTech, Moderna e AstraZeneca + Universidade de Oxford e com boas taxas de eficácia e segurança animaram os mercados;
    • Rotação para setores que foram mais impactados durante a pandemia, como Petróleo, Bancos e Aéreas, e saída de setores mais beneficiados, como o setor de Tecnologia.

    Por outro lado, vale destacar que para que a volta dos gringos à Bolsa brasileira seja duradoura, três pontos são importantes:

    • Melhor resolução sobre a trajetória fiscal do país;
    • Avanços na responsabilidade socioambiental e de governança (ESG) no Brasil, sendo essa condição essencial para o estrangeiro voltar a ter grandes alocações no país;
    • Continuação da recuperação da economia e revisão de Lucros das empresas da Bolsa para cima.

    Mas qual bolsa é melhor investir? Americana ou brasileira?

    Clique aqui para a resposta dessa e de outras perguntas  sobre onde investir em dezembro!

    Resumo do dia: Vacina cada vez mais perto

    (por Júlia Aquino)

    Mercados globais amanhecem em leve queda nesta quarta-feira, com futuros do S&P caindo 0,1% e Euro Stoxx caindo 0,3%, um dia após atingirem níveis recordes.

    Aliás, depois que as descobertas das vacinas geraram ganhos mensais recordes para as ações globais, os mercados parecem ter precificado uma perspectiva de saúde melhor, deixando os investidores em busca de novos catalisadores para impulsionar as ações para cima. No desenvolvimento mais recente, o Reino Unido se tornou o primeiro país ocidental a aprovar o uso da vacina Pfizer + BioNTech para Covid-19, e pretende iniciar a imunização no começo da próxima semana. No entanto, a pandemia está ganhando força na Alemanha e nos EUA, onde os legisladores alertam sobre os efeitos econômicos.

    Nos Estados Unidos, as mortes por coronavírus atingiram o valor mais alto em 6 meses, e autoridades de saúde tem planos de começar a vacinação até a metade de dezembro, assim que tiver as aprovações necessárias.

    Enquanto isso, a presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, a democrata Nancy Pelosi, apresentou uma proposta de estímulo fiscal para o presidente do Senado, o republicano Mitch McConnell, e o Secretário do Tesouro Steven Mnuchin - o valor da proposta ainda não foi divulgado. Por sua vez, McConnell compartilhou uma versão revisada de uma proposta anterior de USD 500 milhões com correligionários. E um grupo de parlamentares dos dois partidos divulgaram um projeto de USD 908 bilhões. Tanto Joe Biden quanto sua escolha para o Tesouro, Janet Yellen, se manifestaram sobre a importância de aprovar estímulos.

    No Brasil, o Ibovespa fechou em alta de 2,3% ontem, chegando a 111.399 pontos, nova máxima desde o dia 21 de fevereiro. Além das boas notícias internacionais quanto a vacina e estímulos fiscais, o mercado também reagiu positivamente à fala do presidente Jair Bolsonaro sinalizando que o auxílio emergencial não será estendido para o ano que vem, reduzindo as preocupações dos investidores com o fiscal. Completando o bom humor na bolsa brasileira, foi definida para 16 de dezembro a data de análise da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021.

    Por fim, segundo cronograma apresentado ontem pelo Ministério da Saúde, idosos com 75 anos ou mais, profissionais da saúde e indígenas serão os primeiros a ser vacinados contra a covid-19. A expectativa é de que a vacinação comece em março de 2021 e que a campanha seja finalizada apenas em dezembro.

    Agenda da Semana

    Quarta-feira, 02

     

    07h00: Zona do Euro - Taxa de desemprego (exp: 8,4%; ant: 8,3%)

    09h00: Brasil - Produção industrial a.m. (exp: BBG: 0,8%; exp XP: 1,1%; ant: 2,6%)

    09h00: Brasil - Produção industrial a.a. (exp: BBG: 1,0%; exp XP: 1,7%; ant: 3,4%)

    16h00: Estados Unidos - lançamento do Livro Bege do Federal Reserve

    22h45: China - PMI Composto (ant: 55,7)

    Quinta-feira, 03

     

    06h00: Zona do Euro - PMI Composto Markit (exp: 40; ant: 39,90)

    07h00: Zona do Euro: vendas no varejo a.m. (exp: 0,5%; ant: -2,0%)

    09h00: Brasil - PIB a.t. (exp BBG: 8,8%; exp XP: 8,4%; ant: -9,7%)

    09h00: Brasil - PIB a.a. (exp BBG: -3,5%; exp XP: -3,8%; ant: -11,4%)

    10h00: Brasil - PMI Composto (ant: 55,9)

    10h30: EUA - novos pedidos de seguro-desemprego ( exp: 768 mil; ant: 778 mil)

    11h45: EUA - PMI Composto Markit (ant: 57,9)

    Sexta-feira, 04

     

    10h30: EUA - taxa de desemprego nov (exp: 6,8%; ant: 6,9%)

    Topics: Rico Matinal