{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1100px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

Orçamento Familiar e Doméstico: Faça o Seu em Apenas 5 Passos

by Rico.com.vc on Outubro 3, 2017

orçamento familiar casal

Você gostaria de ter pelo menos R$ 1 mil sobrando todo mês?

Um orçamento familiar ou pessoal simples pode fazer isso por você. Imagine ter mil reais ou ainda mais sobrando todo mês.

Se você ler esse texto até o final e aprender a fazer um planejamento financeiro pessoal poderoso, isso pode acontecer.

Com certeza, você viveria mais tranquilamente e teria mais disposição financeira. Qual seria sua primeira atitude depois de fazer o dinheiro sobrar?

Se você é como a maioria dos brasileiros, talvez compraria uma televisão nova ou um celular. Infelizmente, o Brasil não possui uma cultura forte de educação financeira.

Comprar coisas que perdem valor rapidamente é uma terrível forma de perder dinheiro. No final, o dinheiro não sobrou porque foi gasto rapidamente.

Entenda bem: existem coisas que compramos e diminuem nosso patrimônio (carro, casa, entre outros) e existem outras coisas que compramos e multiplicam o nosso dinheiro (Tesouro Direto e outros investimentos).

O ciclo financeiro da riqueza é muito simples: ganhar, economizar e investir. Se você não nasceu rico, esse é o método mais seguro para chegar lá.

Pode parecer demorado e difícil, mas acredite, esse é o caminho mais curto. E não existem atalhos para você ficar milionário da noite para o dia

Neste texto, vamos mostrar os cinco passos para você organizar o orçamento doméstico eficiente que fará o seu dinheiro sobrar. Também mostraremos os principais erros das famílias que tentam guardar dinheiro.

Se tiver qualquer dúvida, deixe o seu comentário no final da página.

Boa leitura!


5 Passos Para Organizar um Orçamento Familiar e Doméstico Poderoso

orçamento familiar passo a passo 2017

O processo para fazer um orçamento familiar e economizar dinheiro é muito simples.

As pessoas é que complicam as coisas. Com esse passo a passo, qualquer família será capaz de melhorar sua saúde financeira, pagar dívidas e até investir dinheiro mensalmente.

Não é porque é simples que será fácil. Se organizar e economizar dinheiro são coisas difíceis, principalmente se você ainda não possui o hábito.

Mas se você seguir essas dicas, com certeza estará apto para se tornar rico em alguns anos. Veja a seguir os cinco passos e como implementá-los em sua realidade:

#1 - ANALISE

Esse é um momento muito importante. Você deve puxar uma cadeira, sentar e analisar toda a vida financeira da sua família

Pense em todos os problemas, dívidas, rendas que entram, contas que costumam ter, avalie o padrão de vida e comece a se fazer a pergunta: o que deve ser mudado?

Se vocês estão em uma bola de neve de dívidas, o primeiro passo aqui é anotar todas em um documento com o valor atualizado. Você precisa ter um panorama geral da sua situação financeira.

#2 - FAÇA UM PLANO DE AÇÕES DE CURTO PRAZO

Se você está endividado, o melhor a se fazer antes de começar o orçamento familiar é chamar todos os seus credores e negociar suas dívidas.

Mesmo que você não tenha dinheiro para pagar todos, inicie um diálogo, mostre quanto você dispõe para pagamento.

Se não conseguir fechar boas renegociações, você precisará de um advogado para intervir e adequar as dívidas à sua realidade financeira.

Uma boa alternativa é fazer dinheiro extra para o seu orçamento familiar. Se você tem, por exemplo, um carro, terreno, celular, videogame, bicicleta, é inteligente vender esses itens para saldar suas dívidas e equilibrar as finanças.

Principalmente se algum desses itens gerar novas dívidas para você.

Outra alternativa que pode complementar essas é o aperto do cinto. No curto prazo, é bom enxugar absolutamente todas as contas desnecessárias: TV a cabo, academia, presentes caros, passeios.

Pelo menos por alguns meses até o orçamento doméstico entrar no saldo positivo. 

#3 - CONTROLE A SUA VIDA FINANCEIRA

orçamento familiar fazendo as contas

É fundamental praticar a educação financeira.

Essa é a hora de fazer, de fato, um orçamento familiar. Segundo dados, 55,6% das famílias brasileiras estão endividadas.

Se você quer passar da metade que deve dinheiro para a outra metade que não deve, você precisará controlar suas finanças

É fundamental assumir o controle das suas contas domésticas.

Mesmo que o seu plano de curto prazo dê certo e você consiga vencer todas as dívidas, é muito fácil cair no buraco de novo.

Principalmente se a sua família não aprendeu nada com a primeira vez. Você precisa investir em educação financeira. Das crianças aos mais velhos, todos precisam dominar as finanças.

Então, está na hora de chamar todo mundo para conversar e explicar que tudo precisa mudar para que as finanças da família comecem a crescer em vez de estagnar ou pior, entrar no negativo novamente.

O seu orçamento familiar precisa conter todos esses itens para ser completo:

  • Despesas fixas (aluguel, água, luz, telefone)
  • Despesas variáveis (passeios, presentes, imprevistos)
  • Receitas fixas (salário, aposentadoria e etc)
  • Receitas variáveis (freelances, comissões, bônus)

Tudo se resume a entradas e saídas. Se você souber controlar tudo o que sai, administrando bem o que entra, com certeza, a médio prazo, você conseguirá sair do vermelho.

Se você achar muito difícil controlar todas as suas receitas e saídas, recomendamos que baixe o aplicativo Guia Bolso. Ele se conecta às suas contas bancárias e faz esses cálculos sozinho.

#4 - DEFINA METAS

Para que você está fazendo um orçamento doméstico? Apenas para ter dinheiro? Lembre-se de que o dinheiro não é um fim, mas sim, um meio.

Se você não tiver uma meta maior em mente o tempo todo, todo dinheiro que sobrar poderá ser usado para qualquer outra coisa, já que você não tem objetivos.

Mas as coisas mudam de figurar quando existem metas que você e sua família desejam muito. Esse é o segredo para conseguir poupar depois de organizar a casa.

Tirar férias em algum lugar bacana, trocar de carro, comprar uma casa. Você pode definir objetivos gerais e outros para cada membro da família. Se eles conseguirem ser econômicos durantes os meses, atingirão as metas e serão recompensados.

Ser bem-sucedido não é gastar o mínimo possível, guardar todo o dinheiro e deixá-lo embaixo do colchão. Uma família de sucesso realiza os seus desejos, mas de forma organizada e programada. Sem comprometer o orçamento familiar.

Você deve categorizar esses objetivos em três prazos diferentes: curto, médio e longo prazo. Eles também serão muito úteis na hora de investir o seu dinheiro.

Objetivos de curto prazo até 1 ano (trocar de celular, férias, pagar o IPVA)dinheiro deve ficar numa aplicação fácil de retirar, tal como o título do Tesouro Selic (LFT) ou em um fundo de renda fixa conservador de boa liquidez;

Objetivos de médio prazo de 1 a 10 anos (comprar carro, fazer o quarto do bebê, reformar a casa): aplique no Tesouro Direto, CDBs, fundos de investimento mais arriscados;

Objetivos de longo prazo acima de 10 anos (aposentar-se, comprar uma casa, pagar faculdade): aplique em títulos indexados à inflação do Tesouro Direto ou ainda numa previdência privada que garantem o seu poder de compra a longo prazo.

#5 INVISTA

Essa é a parte simples do passo a passo de como fazer orçamento familiar.

É o ato de tirar o dinheiro do seu alcance, na conta corrente, para aplicá-lo em investimentos que trarão um bom lucro a curto, médio e longo prazo.

Dependendo do seu patrimônio, é possível receber o equivalente um aluguel mensalmente, apenas de renda extra dos investimentos, ou ainda mais. Tudo depende das suas aplicações financeiras e de quanto você conseguirá investir.

Veja o passo a passo para abrir sua conta e começar a investir:

  1. Inicie o processo de cadastro na Rico
  2. Envie os documentos necessários
  3. Anote a sua conta corrente da Rico e transfira o valor que deseja investir
  4. Escolha a aplicação e invista
  5. Evite sacar esse dinheiro sem necessidade

Lembre que investir deve ser uma atividade mensal assim como pagar as contas. Estabeleça uma meta de aplicação mensal e economize para sobrar esse dinheiro sempre.

Você pode tornar esse processo automático. Basta configurar uma transferência automática no seu banco para a sua conta na corretora.

E depois configurar a corretora para aplicar automaticamente um valor em um investimento simples como o Tesouro Selic.


Dicas Rápidas Para o Seu Orçamento Familiar

orçamento familiar dicas poupanca investimento

O tempo e a constância são os melhores amigos do seu orçamento familiar.

Ser fiel ao seu planejamento pode ser difícil quando seus filhos ou cônjuge pedir alguma coisa de presente. A sua missão depois de construir um orçamento familiar é ser extremamente fiel a ele.

Você e deve alterá-lo conforme passa o tempo. Mas nunca deixar de cumprir o que foi planejado. Caso contrário, todo o seu esforço em organizar o orçamento familiar terá ido por água abaixo.

Veja algumas dicas para evitar isso:

EVITE COMPRAS POR IMPULSO

Mais da metade das famílias está endividada, como mostrou a pesquisa. E por coincidência ou não, outro estudo revelou que 53% dos consumidores brasileiros admitem ter realizado pelo menos uma compra por impulso nos últimos 3 meses.

Evite isso planejando suas compras com antecedência, avaliando o preço e principalmente identificando se existe realmente a necessidade pelo objeto que você comprará.

É impressionante o número de coisas que adquirimos, usamos uma vez e nunca mais utilizamos.

CONSIGA UMA RENDA EXTRA

Dependendo da sua profissão, comece a trabalhar nas suas horas livres para aumentar a renda familiar. Se algum familiar seu não trabalha, ajude-o a buscar emprego ou trabalho temporário.

Nas crises, quem é criativo costuma encontrar oportunidades e ganhar dinheiro. Então, fique atento ao mercado para fazer uma renda extra

Com a tecnologia avançando, é possível conseguir alguns trabalhos pela internet como motorista de Uber, alugando objetos que não usa mais como bicicleta, sendo um guia turístico na sua cidadecuidando de cachorros e etc.

SUBSTITUA GASTOS

Essa é uma ótima dica para fazer uma transição menos traumática entre padrões de vida. Se a sua família está acostumada a passar uma semana de férias na praia, você não precisa cortar esse momento completamente.

É possível diminuir o tempo de passeio para apenas um fim de semana e nos outros fins de semana viajar para sítios ou clubes com piscina mais em conta.

Assim você economiza um bom dinheiro e não corta o lazer completamente da sua folha de despesas. 

O mesmo vale para alguns luxos como TV a cabo que pode ser trocada por uma TV simples, mas com Netflix e YouTube. Trocar de carro por um modelo mais simples é outra boa dica também.

Não encare isso como uma derrota, mas como uma preparação para em breve conquistar coisas ainda mais valiosas como a sua tranquilidade financeira.


Conclusão

orçamento familiar conclusao

Pronto para seguir o seu orçamento familiar e construir um patrimônio?

Fazer um orçamento familiar ou planejamento doméstico é muito simples. Basta registrar tudo o que entra, tudo o que sai, definir uma estratégia para fazer entrar mais e sair menos.

A diferença entre entradas e saídas deve ser investido mensalmente em investimentos lucrativos que você descobrirá aqui no blog ou no YouTube da Rico.

Continue aprendendo sobre finanças e investimentos em nosso blog com esses outros artigos:

Mas apesar de simples, é difícil e doloroso mudar os hábitos financeiros de uma família inteira. Nós nos acostumamos rapidamente a um padrão de vida, ter que deixar ele de lado pelo bem futuro é difícil.

Então, procure ter bastante diálogo com sua família para que a mentalidade de todas esteja sintonizada. Como as finanças tendem a ser delicadas no começo, uma fraqueza pode colocar um mês inteiro em risco.

Mostre os objetivos da família e tudo o que pode ser alcançado se todos contribuírem e honrarem o orçamento familiar.

E você que está dirigindo essa mudança, procure sempre se informar e investir nos melhores ativos financeiros mensalmente.

Fique por dentro da renda fixa e seus investimentos como o Tesouro DiretoCDBLCI, LCACRA, CRI e etc.

E quando tiver uma reserva de emergência que corresponda a seis vezes o seu custo mensal de vida, comece a arriscar mais com fundos de investimentos de ações ou multimercados

Lembre-se de formar uma carteira de investimentos que vá de encontro com o seu perfil de investidor e ajude sua família a cumprir seus sonhos e objetivos de vida.

Gostou deste artigo sobre orçamento familiar? Acha que ele pode fazer sua família mudar de vida? Deixe um comentário logo abaixo!

Obrigado por ler até aqui!

abra-conta-rico-1.png

Topics: Finanças Pessoais