{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1200px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

    Como Funciona a Tributação do Tesouro Direto [IOF]

    by Equipe Rico | 4 de Setembro, 2019

    iof-tesouro-direto

    Saber como funciona a incidência do IOF no Tesouro Direto (Imposto sobre Operações Financeiras) é essencial para você ter sucesso nos seus investimentos.

    Isso porque dessa forma, você conseguirá se planejar melhor e, assim, evitar surpresas desagradáveis na hora de sacar o seu dinheiro nos títulos do Tesouro Direto

    O IOF pode levar grande parte dos seus rendimentos se você solicitar um resgate nos primeiros 30 dias.

    A alíquota começa em 96% no primeiro dia e pode chegar a 9% no trigésimo dia.

    Para que você tire o máximo proveito da sua aplicação, deverá aproveitar as oportunidades de reduzir ao máximo as tributações. 

    Ficou curioso? 

    Pois foi pensando nisso que preparamos este artigo completo!  

    Aqui você vai encontrar tudo sobre o IOF no Tesouro Direto, além de dicas fundamentais para você reduzir os custos e aproveitar mais a sua rentabilidade. 

    Além disso, você vai encontrar: 

    • O que é o IOF
    • Como Funciona a Tributação do Tesouro Direto
    • Quanto é o IOF do Tesouro Direto
    • Como Investir no Tesouro Direto em Poucos Minutos
    • Outras Dúvidas Comuns Sobre o Investimento nos Títulos do Tesouro

    Lembre-se de que na Rico você tem taxa de administração ZERO para investir no Tesouro Direto. O que já é uma vantagem e tanto! 

    Acompanhe a leitura e entenda mais sobre isso! 

    O que é Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguros (IOF)

    iof tesouro direto o que e
    Esse tributo pode ser evitado em seus investimentos 

    IOF é a sigla para “Imposto sobre Operações Financeiras” ou  "Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro, ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários", de forma completa.

    Esse é um imposto previsto na Constituição do ano de 1988 e implementado em 1994. 

    Segundo César Roxo, vice-presidente de Assuntos Tributários da ANFIP (Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil), o IOF foi criado na intenção de desencorajar o saque precoce nas aplicações financeiras. 

    No entanto, não são só nos investimentos que o IOF possui incidência. Outros serviços também estão sujeitos à tributação, tais como: 

    • Compra Internacional com Cartão;
    • Empréstimos e Financiamentos;
    • Rotativo do Cartão de Crédito;
    • Câmbio, entre outros.

    Por este motivo, o IOF é cobrado nos investimentos da renda fixa, como CDBs e o Tesouro Direto, que falaremos nesse post. 

     Dica Rico  💰
    Sempre invista com a intenção de levar sua aplicação até a data de vencimento. Assim, você evita qualquer perda de rentabilidade e deixa os grandes parceiros do seu dinheiro trabalhar: o tempo e os juros compostos.

    Como Funciona a Tributação do Tesouro Direto

    Existem 2 impostos que podem incidir diretamente sobre o rendimento das aplicações do Tesouro Direto: o IOF e o Imposto de Renda (IR). 

    Ambos são contados pela tabela regressiva. Ou seja, quanto mais tempo você mantiver o investimento, menos incidência tributária você terá. É por isso que é tão importante ter um planejamento financeiro sólido.

    Então, se tratando do IR, a tributação ocorre da seguinte forma: 

    Tempo de aplicação

    Alíquota do IR (%)

    Até 180 dias 

    22,5%

    De 180 a 364 dias 

    20,0%

    Entre 364 e 720 dias

    17,5% 

    Acima de 720 dias

    15% 

    Tabela do Imposto de Renda no Tesouro Direto - Fonte: Receita Federal

    Como você pôde ver, a tributação mínima de Imposto de Renda sobre o investimento no Tesouro Direto é de 15%. Diferentemente do IOF que, após 30 dias, você fica isento

    Quanto é o IOF do Tesouro Direto?

    Assim como o Imposto de Renda, o IOF no Tesouro Direto também é tributado apenas sobre a rentabilidade, e não sobre o valor total. 

    No entanto, a boa notícia é que ele só é cobrado se você efetuar o resgate do dinheiro antes dos primeiros 30 dias de aplicação. 

    Depois disso, você fica completamente isento deste imposto. O que é excelente para que você tire o máximo proveito da sua rentabilidade. 

    Veja abaixo como funciona a Tributação do IOF no Tesouro Direto. 

    Tabela de Tributação de IOF no Tesouro Direto

    Como a incidência do IOF se dá diariamente, então gradualmente, dia após dia, essa incidência vai baixando. 

    Veja na tabela abaixo como funciona a tributação: 

    Dias

    IOF (%)

    Dias 

    IOF (%)

    Dias 

    IOF (%)

    1

    96

    11

    63

    21

    30

    2

    93

    12

    60

    22

    26

    3

    90

    13

    56

    23

    23

    4

    86

    14

    53

    24

    20

    5

    83

    15

    50

    25

    16

    6

    80

    16

    46

    26

    13

    7

    76

    17

    43

    27

    10

    8

    73

    18

    40

    28

    6

    9

    70

    19

    36

    29

    3

    10

    66

    20

    33

    30

    0

    Tabela da alíquota regressiva do IOF - Fonte: Receita Federal

    Ao chegar no 30º dia de aplicação, a incidência do IOF zera. A partir daí, então, você estará completamente isento desta taxa. 

    Invista no Tesouro Direto com Poucos Minutos

    iof tesouro direto invista
    Descubra como se tornar um investidor do Tesouro de forma prática e simples

    Existem investimentos que são isentos até mesmo do Imposto de Renda. No entanto, você não deve guiar suas decisões baseado unicamente em tributos.

    Esses investimentos podem ter menos rentabilidade, maiores prazos de vencimento e mais risco. Então, antes de aplicar em qualquer tipo de produto financeiro, conheça todas suas características e de outras opções. 

    O Tesouro Direto costuma ser uma ótima opção, mesmo com o Imposto de Renda. Investir no Tesouro Direto permite que você desfrute de uma aplicação tão segura quanto a poupança, mas consideravelmente mais rentável

    Além disso, este é um investimento democrático e acessível. Você pode começar com pouco dinheiro e em poucos minutos já está investindo. 

    Você só precisa ter 3 coisas: um CPF válido, uma conta no banco e acesso à internet.

    É possível realizar o processo até mesmo pelo celular.

    Tendo isso, o primeiro passo é abrir uma conta em uma corretora de valores, de preferência que ofereça taxa zero para a sua aplicação, como a Rico, por exemplo, que não cobra taxas para abrir a conta nem para investir no Tesouro.

    Depois, você irá fazer uma transferência financeira (TED) da sua conta do banco para a sua conta na instituição escolhida. Precisa ser um TED entre a mesma titularidade.

    Com o dinheiro na sua conta da corretora, basta fazer a escolha dos seus títulos públicos. Existem três tipos de aplicações em Tesouro Direto: 

    Lembre-se de escolher de acordo com três coisas em especial: o seu objetivo com ele; o prazo de vencimento (que deverá ser respeitado) e a rentabilidade. 

    Tendo feito a sua escolha, bastará fazer a compra do título pelo site da sua corretora e pronto! 

    Você será o mais novo investidor do Tesouro Direto, em poucos minutos e sem sair de casa.

    Nova call to action 

    Outras Dúvidas Comuns Sobre o Investimento nos Títulos do Tesouro

    iof tesouro direto TAXAS

    Existem outras taxas além do IOF

    Você pode ter ainda algumas dúvidas comuns que permeiam o investimento no Tesouro Direto. Como por exemplo, as taxas de custódia, administração e o Imposto de Renda. 

    Essas taxas também são importantes para que você consiga se planejar com o seu investimento. 

    Além disso, evitará que você tenha surpresas com gastos que não estava esperando. 

    Vamos ver um pouco mais sobre elas? 

    Taxa de Custódia do Tesouro

    A Taxa de Custódia do Tesouro Direto é cobrada pela B3 pelo serviço de guarda, proteção e movimentações dos seus títulos públicos. 

    Isso porque, ao investir no Tesouro Direto, os seus títulos ficam custodiados no seu nome na Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia (CBLC) e, por isso, é cobrada essa taxa. 

    O valor é de somente 0,25% ao ano sobre o valor que você tem investido e se dá a partir da liquidação da operação de compra (também chamada de D+1). 

    Como essa taxa incide diariamente, ela é cobrada de maneira proporcional ao tempo que você mantiver o título em seu nome. 

    A taxação acontece sempre no 1º dia útil dos meses janeiro e julho, ou na ocorrência de um dos eventos a seguir: 

    • Pagamento de juros (no caso dos títulos que pagam cupom de juros semestrais);
    • Venda antecipada de um Título Público;
    • Vencimento do Título Público. 

    Investidores qualificados, ou seja, que possuem valores superiores a R$1,5 milhão investidos são isentos da Taxa de Custódia do Tesouro Direto.

    Taxa de Administração

    A Taxa de Administração é a taxa cobrada pela corretora de valores para manter os seus títulos seguros e sob custódia. 

    O valor geralmente varia, de 0 a 2% ao ano. Aqui na Rico, por exemplo, a Taxa de Administração para o investimento em Tesouro Direto é zero

    Imposto de Renda

    O Imposto de Renda é cobrado regressivamente no Tesouro Direto, sobre a sua rentabilidade — não sobre o valor total.  

    Quanto mais tempo você mantiver os títulos com você, menos incidência desta taxa terá, como já citado. 

    O mínimo de desconto que você conseguirá atingir é de 15%, a partir dos 720 dias (praticamente dois anos) de investimento. 

    O tributo máximo é de 22,5%, caso você venda os títulos dentro dos primeiros 180 dias de aplicação. 

    Outros Investimentos de Renda Fixa Também Têm IOF?

    Sim! 

    O IOF funciona da mesma forma em quase todos os investimentos. Tanto nas aplicações de renda fixa como nas de renda variável.

    Todas essas aplicações mais conservadoras abaixo possuem incidência do IOF:

    O seu funcionamento é idêntico à incidência do IOF em fundos de investimentos. 

    A boa notícia é que agora você já sabe como evitar essa tributação: mantendo o seu investimento em seu nome por no mínimo 30 dias.

    Após essa data, você estará isento da cobrança de IOF independente da aplicação que tiver feito. 

    Conclusão

    iof tesouro direto conclusao

    Pronto para investir pagando menos taxas?

    Entender os custos que você terá em um investimento é fundamental para que você consiga ter o total controle sobre as suas finanças, mas este é apenas o primeiro passo.

    É fundamental que você tenha um parceiro que o ajude a encontrar os melhores investimentos, possua muitos produtos financeiros disponíveis com bons rendimentos e que seja de sua confiança.

    Assim, os grandes bancos não podem fornecer isso, já que costumam cobrar altas taxas e oferecer produtos com uma performance baixa.

    Então, escolha a Rico para investir em renda fixa, variável e fundos de investimentos. Nós ajudaremos você a se planejar e também evitar gastos desnecessários através de dicas e conhecimentos como os transmitidos neste artigo. 

    Por isso, retorne ao blog sempre que tiver alguma dúvida sobre o IOF no Tesouro Direto e qualquer outro assunto. 

    Ficou afim de se aprofundar ainda mais neste investimento rentável e seguro?

    Então continue a sua leitura com os seguintes artigos: 

    Lembre-se que aqui na Rico você pode aproveitar a taxa de custódia gratuita para investir no Tesouro Direto e desfrutar ao máximo da sua rentabilidade. 

    Para começar, é só abrir a sua conta. O cadastro é rápido e totalmente gratuito! 

    Este artigo foi útil para você? Então deixe um comentário! 

    Vamos adorar ouvir a sua opinião!

    Obrigado por ler até aqui!

    Abra sua conta 01

    Topics: Impostos

    Top 5 Posts

    Posts Recentes