{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1100px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

    O Que é Investidor Qualificado, Vantagens e Como se Tornar um (2018)

    by Rico.com.vc on Junho 4, 2018

    investidor qualificado 2018

    O investidor qualificado costuma ser confundido com o investidor profissional.

    A principal diferença é que você pode se tornar um investidor qualificado a qualquer momento

    No entanto, para isso, você precisa cumprir os requisitos propostos pelos agentes regulamentadores do mercado.

    Ser um investidor qualificado dá acesso a diversos investimentos que não estão disponíveis ao público.

    Então, esta pode ser a oportunidade para aumentar o seu patrimônio e atingir os seus objetivos.

    Se você quer fazer parte deste seleto grupo ou quer saber mais sobre o assunto, este artigo foi feito para você. Aqui, vamos mostrar tudo o que você precisa saber para se tornar um investidor qualificado a partir de hoje:

    • O que é investidor qualificado?
    • Investidor profissional x qualificado
    • Vantagens e desvantagens dos investidores qualificados
    • Quem pode ser classificado como investidor qualificado?
    • Como se tornar investidor qualificado em 2018
    • Quais são os riscos do investidor qualificado?

    Se você tiver qualquer dúvida, deixe um comentário no final da página.

    Boa leitura!

    Já imaginou tirar um ano apenas para você? Então, leia este outro artigo e aprenda como se preparar para um ter um ano sabático incrível

    O Que São Investidores Qualificados?

    O investidor qualificado é aquele que cumpre os seguintes requisitos propostos pela instrução 539 da CVM (Comissão de Valores Mobiliários):

    • Ter patrimônio investido maior ou igual a R$ 1 milhão
    • Atestar por escrito o termo de investidor qualificado

    A classificação dos tipos de investidores é relativamente nova, isto é, foi implantada em 2013. O objetivo da CVM é oferecer os investimentos apropriados de acordo com o risco e o patrimônio investido.

    Desta forma, este órgão consegue proteger principalmente os pequenos investidores. Caso contrário, muitos deles correriam riscos desnecessários com a possibilidade de acarretar perdas catastróficas.

    Portanto, entende-se que o investidor qualificado é aquele que possui aporte e conhecimento dos investimentos onde aplica. 

    Investidor Profissional x Qualificado - Diferenças

    investidor qualificado ou profissional

    A principal diferença está no patrimônio mínimo necessário

    Geralmente, as pessoas tendem a pensar que investidor qualificado é a mesma coisa que o profissional.

    Na verdade, todo investidor profissional também é um qualificado. Mas, o contrário não é verdadeiro.

    Isso porque o investidor profissional necessita ter, ao menos, R$ 10 milhões investidos. Enquanto que o investidor qualificado deve ter a partir de R$ 1 milhão. 

    Por conta deste montante, geralmente, os investidores profissionais são:

    • Instituições financeiras autorizadas pelo Banco Central (BC)
    • Investidores não residentes no país
    • Agentes autônomos de investimentos
    • Analistas e consultores de valores mobiliários autorizados pela CVM 
    • Seguradoras e sociedades de capitalização
    • Administradores de Fundos de Investimentos ou Clubes de Investimentos

    Investidor Qualificado: Vantagens e Desvantagens

    Ser um investidor qualificado vai além de pertencer a um pequeno grupo do mercado financeiro. Geralmente, esta classificação traz uma série de benefícios.

    A primeira delas é a gama de investimentos que se tem à disposição. A CVM permite que o investidor qualificado tenha acesso a ativos restritos ao público em geral.

    Alguns deles são Fundos de Investimentos voltados ao exterior, CRIs (Certificados de Recebíveis Imobiliários) e CRAs (Certificados de Recebíveis do Agronegócio), etc. 

    Sem contar que estes investimentos costumam ter taxas de rentabilidade mais atrativas que os ofertados aos investidores comuns. 

    Em contrapartida, a variedade de investimentos traz riscos associados, em muitos casos, elevados. Isso porque essa categoria é vista como de grande conhecimento prático sobre o mercado financeiro. 

    Caso o investidor qualificado já entenda sobre os ativos, ficará mais fácil de lidar com esses fatores arriscados. 

    Outra vantagem é investir em Fundos de Investimentos ou índices com custos menores, por exemplo, taxa de administração mais barata que a oferecida aos demais. 

    Então, se você quer ganhar muito dinheiro no mercado financeiro e ter acesso aos investimentos sofisticados, se tornar um investidor qualificado pode ser a opção certa.

    Nos próximos tópicos, vamos mostrar como você deve fazer isso passo a passo.

    Quem Pode Ser Classificado Como Investidor Qualificado CVM?

    investidor-qualificado-quem-pode

    Saiba agora como você pode obter a sua classificação

    Toda a pessoa física ou jurídica pode ser classificada como investidor qualificado. Para isso, é necessário obedecer aos requisitos exigidos pela CVM.

    Os certificados que devem ser emitidos são: 

    • Certificado da Ancord (agentes autônomos)
    • Certificado CGA (gestores de recursos de terceiros)
    • Certificado CEA (assessores de investimento)
    • Certificado CFP (planejadores financeiros)
    • Certificados CNPI (analistas de investimentos)

    Anbima

    A Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) promove testes para quem quer se tornar um investidor qualificado. 

    Assim, esta pode ser uma das portas de entrada para atingir os seus objetivos. Nos próximos tópicos, vamos mostrar como essa alternativa funciona em detalhes. 

    Como Ser um Investidor Qualificado em 2018

    Ser um investidor qualificado costuma ser muito vantajoso. Como o mercado financeiro é dinâmico, esta classificação permite ganhos mais elevados e a possibilidade de se proteger melhor. 

    Neste ano, o Brasil está sobre dois terrenos: o risco das eleições presidenciais e a retomada da economia. Como os investimentos são atrelados ao cenário político e econômico, não há como fugir. 

    Se você já investe ou quer começar, é preciso estar atento, pois mesmo em meio ao caos, há pessoas que conseguem tirar bom proveito. Enquanto alguns lamentam as perdas, outros aproveitam oportunidades.

    Este é o mercado financeiro, e se você quer ser mais arrojado, precisa estar pronto para isso. 

    Para o investidor qualificado, o poder de aproveitar as oportunidades é maior. Já que há mais formas de diversificar além da convencional

    Veja agora as maneiras de entrar para este seleto grupo: 

    Ter patrimônio investido de R$ 1 milhão

    Caso você tenha R$ 1 milhão de patrimônio já investido no Brasil, o processo se torna muito simples. Basta solicitar Termo de Investidor Qualificado junto à sua corretora de valores ou banco

    Este documento deve ser assinado antes de investir o seu dinheiro em um investimento que se aplica à esta categoria. 

    A melhor vantagem de preencher o Termo de Investidor Qualificado é que você já aproveita para atestar que possui conhecimentos sobre os demais ativos que são restritos ao público em geral, ou seja, são mais oportunidades para aumentar seu rendimento. 

    Obter aprovação em um exame de qualificação técnica

    Se você não tem R$ 1 milhão investidos, mas quer se tornar um investidor qualificado, fique tranquilo, pois há meios para isso! 

    Você deve fazer uma prova para atestar os seus conhecimentos técnicos sobre o mercado financeiro. Atualmente, os testes utilizados são: 

    • Agente Autônomo de Investimentos da Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários, Câmbio e Mercadorias
    • Analista de Valores Mobiliários CNPI – Programa de Certificação Nacional
    • Módulos I e II do programa de Certificação de Gestores da ANBIMA 

    Tenha em mente que o objetivo destas provas é atestar que você está apto a aplicar em investimentos mais complexos e arriscados. Então, elas não costumam ser indicadas para os iniciantes. 

    Caso você já tenha experiência no mercado financeiro, os testes comprobatórios podem ser grandes aliados para atingir um novo grau na sua carteira.

    Uma dica é investir em um curso antes de fazer qualquer prova. Isso porque elas costumam tratar de aspectos bastante específicos, como legislação de investimentos, formas de hedge e noções de economia. 

    Sem a devida preparação, você pode obter resultado abaixo do classificatório. Além de pagar pelo teste, que pode ter um preço razoável. 

    Então, a fórmula certa para se tornar um investidor qualificado, mesmo sem ter R$ 1 milhão investidos é fazer um curso sobre o mercado financeiro e investimentos. Em seguida, optar pelo teste autorizado pela CVM.

    Comissão de Valores Mobiliários

    investidor qualificado cvm

    Este órgão fiscaliza e protege os investidores

    Neste artigo, citamos diversas vezes a CVM. Mas, o que ela faz? E por que ela é tão importante para torná-lo um investidor qualificado? 

    A resposta é muito simples. Esta instituição é a responsável por regulamentar, fiscalizar e promover o crescimento dos valores mobiliários brasileiros, como as ações, Tesouro Direto e Fundos de Investimentos

    Assim, ela faz as classificações dos investidores para tornar o ambiente propício para todos. Se você já tem bons conhecimentos sobre o mercado financeiro, não há motivos para restringir ativos complexos. 

    No fim das contas, a decisão final sobre investir é sua. Portanto, são possibilidades a mais para fazer o seu dinheiro crescer. 

    A função de fiscalizar é muito importante para os investidores. Sem a CVM, os emissores poderiam divergir das informações fornecidas, como grau de risco ou estrutura do investimento. 

    Portanto, esta responsabilidade tem como objetivo proteger quem investe e tornar todo o processo mais transparente. 

    Atualmente, se um investimento não cumpre as normas da CVM, ele não pode ser ofertado no mercado financeiro.

    Riscos do Investidor Qualificado

    investidor qualificado riscos

    Proteja-se com a diversificação e conhecimento

    Mesmo com todas as vantagens de ser um investidor qualificado, há riscos envolvidos, que devem ser bem conhecidos antes de tomar qualquer decisão. 

    Sem isso, você pode acarretar perdas ou, até mesmo, desistir de investir o seu capital. 

    Para o investidor qualificado, os investimentos costumam ter estruturas mais complexas e pouco conhecidas. Assim, é preciso ter mais cautela na hora de montar uma carteira. 

    Mas, o maior risco de todos é em relação ao próprio conhecimento sobre o mercado e os ativos.

    Como a CVM deduz que você já entende o suficiente, ao optar por um investimento, não haverá uma série de documentos e avisos sobre os riscos associados. 

    Neste caso, a compra e venda é simplificada e mais rápida. Logo, se você não tem conhecimento suficiente, a possibilidade de se expor desnecessariamente a um risco elevado pode ser alta. 

    Já para o investidor comum, os investimentos são melhor expostos e a burocracia é maior.

    Portanto, se você quer fazer parte do seleto grupo de investidores qualificados é preciso investir em conhecimento, para depois, ganhar dinheiro de verdade. 

    Por que Investir com a Rico?

    Se tornar um investidor qualificado é um marco na vida de qualquer pessoa. Neste ponto, você deixa de lidar com as burocracias, altos custos e investimentos já conhecidos para entrar em uma nova área do mercado financeiro. 

    Mas, para investir o seu dinheiro, você precisa de um agente intermediador, como as corretoras de valores e bancos. É aqui que nós entramos!

    Se você quer fazer o seu patrimônio crescer e atingir os seus objetivos, priorize sempre as corretoras. Através delas, você terá à disposição uma gama maior de investimentos com taxas e custos mais atrativos. 

    Aqui na Rico, você usufrui de todas as vantagens de ser um investidor qualificado, como investir nos melhores ativos do mercado e pacotes de corretagem imperdíveis. 

    Além disso, temos a Investv com diversas salas de aprendizado para ajudá-lo a tomar decisões cada vez mais assertivas. Nossos profissionais também acompanham diariamente o pregão da bolsa de valores. 

    Portanto, você pode assistir a programação e conhecer as melhores oportunidades para ganhar dinheiro hoje. 

    Ao escolher uma corretora de valores, você deve estar atento ao atendimento prestado.

    Na Rico, você conta com a melhor equipe de suporte do mercado. Nossos profissionais estão prontos para tirar todas as suas dúvidas a qualquer momento. 

    Para ter acesso a todas essas vantagens, você só precisa abrir a sua conta na Rico agora mesmo.

    O cadastro é muito simples e prático! Basta inserir as suas informações pessoais, como nome e data de nascimento.

    Crie também um login e senha. Depois disso, aguarde o nosso retorno por e-mail.

    Cadastro concluído? Agora, transfira o valor necessário para ser classificado como investidor qualificado da sua conta bancária para a conta da corretora, através de TED de mesma titularidade. 

    No suporte, solicite o termo de comprovação da CVM. Depois de obter o retorno com a confirmação positiva, você já terá acesso aos investimentos adequados. 

    Por fim, é só entrar na sua Plataforma de Investimentos e escolher os ativos desejados, por exemplo, FIDC, CRI ou ETFs de índices do exterior. 

    Muito simples, não é mesmo? Então, que tal começar agora? 

    Conclusão

    investidor qualificado conclusao

    Venha para a Rico e aplique nos melhores investimentos!

    Ser um investidor qualificado abre muitas portas no mercado financeiro. Afinal de contas, há uma gama enorme de ativos com condições de aplicação incríveis. 

    Ao atingir esse ponto, você estará apto para fazer o seu patrimônio crescer ainda mais. 

    No momento atual, com as frequentes oscilações do mercado brasileiro, o investidor qualificado pode usufruir de uma série de vantagens, como alocar capital no exterior com facilidade e diversificar mais. 

    Continue a aprender sobre investimentos com estes outros artigos do nosso blog: 

    Então, se você cumpre os requisitos exigidos pela CVM, não perca mais tempo. Solicite o seu termo comprobatório e faça parte deste seleto grupo de investidores. 

    Mas, antes disso, invista em conhecimento e analise se você está preparado para lidar com ativos financeiros com maior nível de risco e complexidade. Caso não esteja, comece a se preparar.

    Na Rico, o investidor qualificado tem acesso aos melhores e mais rentáveis investimentos do mercado.

    Se você quer atingir os seus objetivos e ganhar muito dinheiro, aqui é o lugar certo! Para começar, você só precisa abrir a sua conta agora mesmo! 

    Este artigo foi útil para você? Então, deixe o seu comentário com sugestões.

    Obrigado por ler até aqui!

    neymar-abra-sua-conta

    Topics: Mundo Trader

    Top 5 Posts

    Posts Recentes