{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1100px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

    O Que é Independência Financeira e Como Conquistar a Sua [Dicas]

    by Rico.com.vc on Dezembro 14, 2017

    o que e independencia financeira

    Que tal conquistar a sua independência financeira e realizar os seus sonhos?

    A independência financeira pode ter diferentes significados, não é mesmo?

    Ela pode representar, por exemplo, a liberdade para fazer o que queremos, como viajar ou comprar um imóvel.

    Para a maioria das pessoas, o termo pode significar ter dinheiro suficiente para não precisar trabalhar mais ou para se focar em uma atividade mais prazerosa. 

    Se aposentar é uma decisão difícil, que exige planejamento. Quer saber mais? Então leia outro artigo e aprenda como se preparar 

    Apesar de que, à primeira vista, a independência financeira pareça inalcançável, saiba que as suas bases são o planejamento financeiro e escolhas inteligentes.

    Com essas ferramentas, você também pode chegar lá e utilizar os frutos dos seus investimentos para viver mais e melhor.

    Para ajudar nesta jornada, preparamos um guia completo sobre a independência financeira:

    • Independência financeira: Significado e tipos
    • Independência financeira em 5 anos: como conquistar?
    • Como conseguir independência financeira para o longo prazo e viver de renda
    • Como calcular a sua independência financeira

    Se você tiver qualquer dúvida, deixe um comentário no final da página.

    Boa leitura!

    O Que é Independência Financeira Para Você?

    Para muitas pessoas, a independência financeira ocorre quando os seus rendimentos financeiros são suficientes para que você não precise de um emprego para se manter.

    Neste caso, o termo está associado à viver de renda e à aposentadoria, representando a liberdade para trabalhar no que deseja e usufruir do dinheiro investido.

    Depois de conquistar a independência financeira, muitas pessoas utilizam os rendimentos do emprego para aumentar o patrimônio.

    A partir do momento em que você consegue boas reservas financeiras, aplicadas para que deem os retornos necessários, é possível viver da maneira que você sempre sonhou.

    No entanto, para muitas outras pessoas, independência financeira tem outros significados, por exemplo, conseguir comprar um celular da mais alta tecnologia sem a ajuda dos pais ou precisar dar satisfação para alguém.

    Continue a leitura e entenda melhor o que estamos dizendo.

    Estágios da Independência Financeira

    estagios independencia financeira

    As etapas mostram o nível de liberdade que os seus investimentos oferecem

    Se você quer ter independência financeira, o primeiro passo é conhecer quais são os seus  estágios.

    Você também pode identificar em que período está e o que fazer para chegar aos próximos. Confira abaixo sobre cada um deles:

    1 - Liberdade de curto prazo

    O primeiro estágio da independência financeira é quando você possui dinheiro suficiente para viver um período sem salário. Este prazo é entre dois meses até um ano. 

    Então, ele pode ser interpretado como ter uma reserva de emergência. Se algo inesperado acontece, ela é importante para que você não contraia dívidas.

    Um dos fatores a considerar, é que o valor guardado deve ser suficiente para manter o seu padrão de vida atual. Ou seja, ele  deve consegue cobrir os seus gastos mensais. 

    Este é apenas o primeiro estágio. Chegar até aqui pode ser a sua motivação para avançar para os próximos.

    2 - Independência de contas

    As dívidas impedem que você alcance a independência financeira. Então, sair delas é fundamental para atingir o seu objetivo. 

    Desta forma, você terá mais dinheiro disponível para ser guardado. Além disso, os altos juros do endividamento serão eliminados do seu orçamento.

    Chegar a este estágio é difícil para muitos brasileiros. De acordo com o Serasa Experian, até outubro de 2017, mais de 61 milhões de pessoas têm alguma conta em atraso. 

    Se você não faz parte desta estatística, procure pagar as suas contas à vista e tenha um padrão de vida condizente com o seu orçamento. 

    3 - Liberdade de emprego

    Este estágio é uma evolução do primeiro. Aqui, você já possui maior estabilidade e liberdade para construir a sua vida conforme o desejado. 

    A liberdade de emprego representa que se a sua receita principal faltar, você tem uma segunda fonte e poderá viver assim por mais tempo sem muita dificuldade.

    Este nível de independência financeira é fundamental para as famílias. Caso algum dos membros resolva mudar de carreira ou com o nascimento dos filhos, ter reservas maiores ajuda a manter o orçamento nos trilhos. 

    Apesar de que os investimentos ainda não ofereçam retornos que cubram todo o dinheiro necessário, ele pode entrar como complementação de renda. 

    4 - Independência total

    O último estágio é onde você consegue viver com os rendimentos das suas aplicações. Ou seja, os retornos delas superam os seus gastos mensais de forma segura

    Então, você não precisa ter um emprego para se manter, a menos que queira se dedicar a algo por prazer ou para ganhar mais dinheiro.

    Com a liberdade financeira, fica mais fácil realizar os seus sonhos, como abrir o seu próprio negócio ou comprar aquele bem de consumo que você tanto desejou.

    Neste estágio, um dos segredos é continuar a investir e ter boas estratégias para garantir fluxo de caixa de acordo com o seu padrão de vida. 

    Independência Financeira em 5 Anos: Como Conquistar?

    independencia financeira em 5 anos

    Conquiste a liberdade financeira em apenas 4 passos

    Agora que você já conhece sobre a independência financeira e os seus estágios, chegou o momento de saber como você pode conquistá-la em cinco anos.

    Parece impossível? Então confira as nossas dicas. Você vai perceber que pode começar a construir a sua autonomia agora mesmo. 

    1 - Faça um planejamento financeiro

    O primeiro passo para conseguir a sua independência financeira é fazer um planejamento orçamentário. Para isso, você pode utilizar planilhas ou aplicativos de celular

    Apesar de que muitas pessoas pensam que está é uma tarefa que exige muito tempo, na verdade, meia hora é o suficiente. 

    O planejamento financeiro deve conter todos as entradas e saídas de dinheiro do seu bolso. Ou seja, até gastos pequenos fazem parte dele. 

    Lembre-se de que, os custos menores são pouco significativos no dia a dia. Porém, no final do mês eles podem formar um bom montante. 

    A partir de todos os dados que você colocou na planilha, faça uma análise do seu orçamento. Identifique para onde está indo o seu dinheiro e as oportunidades de cortes. 

    Você vai perceber que é possível fazer boas economias através de mudanças sutis no padrão de vida. Com o tempo, economizar poderá se tornar um hábito.

    2 - Crie teto de gastos

    A falta de controle dos gastos é um dos fatores que mais impede que as pessoas alcancem a independência financeira.

    Então, depois de fazer o seu planejamento orçamentário, estabeleça limites para todas as áreas, principalmente para custos esporádicos, como os presentes de natal. 

    Ao definir uma quantia máxima, mais dinheiro ficará disponível para investir na sua independência financeira. Note que não é necessário abrir mão de tudo, apenas agir com mais consciência.

    De acordo com uma pesquisa da Anbima, em 2017, 29% dos entrevistados têm perfil camaleão. Ou seja, ao mesmo tempo em que sabem da importância de controlar os gastos, usam boa parte do salário só para pagar boletos. 

    Segundo o estudo, apenas 22% são chamados de planejadores. Eles têm mais compromisso em organizar as suas finanças e a investir para a formação de patrimônio. 

    Para saber mais sobre os perfis dos brasileiros em relação ao dinheiro, assista a esse vídeo da Anbima:

     

     

    3 - Tenha uma reserva de emergência

    Como citado, para conseguir alcançar a independência financeira é essencial ter uma reserva de emergência. Para tanto, que ela é um dos estágios deste processo.

    Mesmo com a sua importância, uma pesquisa da Anbima, em 2017, revelou que mais de 52% dos brasileiros não possuem dinheiro guardado para eventualidades.

    A maioria deles diz não gostar de se planejar e que prefere agir depois de que algo tenha acontecido.

    Então, é possível notar que mais da metade da população ainda está distante da liberdade financeira. 

    Se você quer atingir este objetivo, o ideal é começar a construir uma reserva de liquidez agora mesmo.

    Os especialistas recomendam que ela possua valor equivalente a seis meses das suas despesas mensais. 

    Lembre-se de que as aplicações devem ter baixa volatilidade e fácil resgate. Um dos papéis mais utilizados é o Tesouro Selic, pois, ele pode ser vendido antes do prazo de vencimento sem muitas perdas. 

    4 - Invista o seu dinheiro

    Investir o seu dinheiro é a melhor forma de atingir a sua independência financeira.

    Antes de começar a escolher as aplicações, conheça o seu perfil de investidor. Com ele, você conhecerá a sua tolerância aos riscos e os ativos mais adequados. 

    O mercado financeiro oferece uma gama enorme de investimentos, tanto em renda fixa, quanto na variável. Tenha em mente que os papéis de renda fixa devem ser a base da sua carteira. 

    A diversificação dos ativos é uma excelente estratégia de investimento. Com ela, você terá ganhos vindos de diversas frentes e prazos de vencimento distintos.

    Além de maximizar os rendimentos e gerar fluxo de caixa, você ainda pode preparar a sua carteira para os possíveis cenários do mercado financeiro.  

    Faça esse teste rápido e descubra agora qual investimento é melhor para você!

    Como Conseguir Independência Financeira Para o Longo Prazo

    independencia financeira longo prazo

    Para o longo prazo, a renda fixa é uma excelente escolha para a sua carteira

    Uma das dificuldades da independência financeira é como mantê-la no longo prazo, principalmente se o seu objetivo é a aposentadoria

    Para formar boas reservas e reduzir o tempo para que os seus investimentos tenham rentabilidade superior aos seus gastos, o ideal é começar o quanto antes. 

    O primeiro passo é estabelecer o período em que você quer atingir este objetivo, por exemplo, viver de renda daqui 20 anos. 

    Então, com base no seu padrão de vida atual, faça o cálculo do montante necessário para cobrir os seus gastos pelos anos seguintes. Considere que você viverá até os 90 anos e que os custos com saúde tendem a aumentar. 

    Assim, ao dividir o valor total pelos vinte anos, você vai descobrir o quanto deverá poupar mensalmente para conseguir a independência financeira no longo prazo. 

    Na sua carteira, dê preferência a investimentos mais conservadores, como os títulos prefixados, os indexados à taxa Selic e os Fundos de Renda Fixa.

    Ter uma pequena parte em renda variável pode trazer lucros mais atrativos, desde que você invista em boas empresas. 

    Acompanhe o desempenho da sua carteira e de acordo com os resultados, reavalie a sua estratégia.

    Desta forma, você protege o seu capital e poderá manter a sua independência financeira por muito mais tempo. 

    Como Calcular a Sua Independência Financeira

    calcular independencia financeira

    Calcule agora o valor ideal para as suas reservas financeiras 

    Uma das dúvidas mais frequentes em relação à independência financeira é como calcular o valor necessário que deverá ser poupado mensalmente e o quanto as aplicações devem render.

    Então, vamos mostrar agora como você pode fazer essa estimativa e investir melhor o seu dinheiro. 

    Se o seu objetivo depois de alcançar a independência financeira é utilizar apenas os rendimentos das suas aplicações, a expressão matemática é:

    Patrimônio necessário = gasto anual / (juros reais/100)

    Os juros reais representam o percentual de retorno das suas aplicações depois de descontar a inflação. Ou seja, é o ganho acima ou abaixo do IPCA.

    A sua fórmula de cálculo é a seguinte:

    Juros reais (%) = taxa de rentabilidade do ativo (%) - IPCA acumulado no período (%)

    Para você entender melhor como é calculado o patrimônio necessário, vamos utilizar um exemplo ilustrativo.

    Ao considerar que os seus gastos anuais totalizam R$ 24.000 e os juros reais das suas aplicações são de 4%, substituindo na equação:

    Patrimônio necessário = 24.000 / 0,04

    Assim, para conquistar a sua independência financeira, o seu patrimônio deverá ser de R$ 480.000. Note que o valor muda de acordo com os juros reais do período analisado. 

    Como você não pode controlar o IPCA, a melhor alternativa é escolher bons papéis para a sua carteira.

    Quanto maior a diferença entre a taxa de rentabilidade deles e a inflação, maiores serão os juros reais. 

    Resumidamente, com juros reais maiores, menor será o patrimônio necessário para atingir a sua independência financeira. Além do fato de que você pode chegar lá em menos tempo. 

    Aproveite que o Brasil é um dos países que possui os maiores juros reais no mundo e comece a investir agora mesmo. 

    Conclusão

    independencia financeira conclusaoAlcance a sua autonomia financeira e viva como sempre sonhou

    A independência financeira pode ter diferentes significados, dependendo do perfil, comportamentos e objetivos de cada um.

    Para muitos, é quando o rendimento dos seus investimentos é superior aos seus gastos mensais. 

    Para outros, é ter a liberdade e a condição de comprar o que quiser, quando quiser, sem precisar pedir dinheiro ou dar qualquer tipo de satisfação.

    E para você, o que liberdade financeira significa?

    Neste artigo, você aprendeu a dividir o termo em quatro estágios: liberdade de curto prazo, independência de contas, liberdade de emprego e independência total. 

    O planejamento financeiro é a base para você alcançar seus objetivos. Com ele, você saberá para onde o seu dinheiro está indo e formas de como economizar mais. 

    Com o dinheiro poupado, você deve investi-lo em boas aplicações, principalmente nos títulos de renda fixa. Eles trazem fluxos de pagamentos estáveis e têm riscos mais baixos. 

    Continue a aprender sobre como investir melhor através destes outros artigos:

    A diversificação da sua carteira é uma excelente alternativa para conquistar a independência financeira.

    Ao aplicar em ativos de modalidades diferentes, você pode maximizar os seus rendimentos e evitar perdas no patrimônio.

    Aqui na Rico, você encontra as melhores aplicações para você alcançar este objetivo e realizar os seus sonhos. Abra a sua conta e comece a investir agora mesmo! 

    Este artigo foi útil para você? Então deixe o seu comentário com sugestões.

    Obrigado por ler até aqui!

    abra-conta-rico-1.png

    Topics: Como começar a investir

    Top 5 Posts

    Posts Recentes