{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1200px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

    Educação Financeira - Conceitos e 11 Dicas Para Ficar Rico

    by Rico.com.vc | 13 de Julho, 2019

    educacao financeira conceito

    A educação financeira pode ser o melhor caminho para enriquecer e formar um patrimônio consistente que pode trazer muita tranquilidade para você e sua família.

    A verdade é que por mais que você se esforce para ganhar dinheiro, se você não tiver um esforço para trocar de hábitos e de mentalidade, dificilmente se tornará um milionário no longo prazo.

    Sabemos que pode ser muito difícil conseguir ganhar dinheiro, guardá-lo de forma contínua e fazê-lo render sem aprender educação financeira.

    Assim, muito mais do que uma atitude ou mero planejamento financeiro, a educação financeira é um conjunto de ações como cortar gastos, investir, multiplicar ganhos e acumular riqueza. Tudo isso junto, deve se tornar um hábito.

    É justamente por meio desse hábito que, dia após dia, você poderá formar um patrimônio sólido, crescente e saudável.

    Algumas pessoas tentam organizar as finanças guardando dinheiro na poupança. Mas essa pode ser a pior maneira de fazer isso.

    Atualmente, o rendimento do poupança é de apenas 4,55% ao ano enquanto a inflação (IPCA), segundo relatório Focus do BC, deve fechar em 3,89%. Ou seja, você tem apenas 0,66% de ganho real acima da inflação ao investir na poupança.

    Neste texto, você aprenderá:

    • Dicas de educação financeira para iniciantes;
    • Como evitar as armadilhas nesse caminho;
    • Como começar a investir do zero.

    O Que Significa Educação Financeira?

    A resposta resumida para quem quer saber o que é educação financeira é: é a arte de dominar o dinheiro, tornando-se mais consciente de cada ação em relação a ele.

    Nesse momento, pare e faça essas perguntas a si mesmo:

    • Eu controlo o meu dinheiro ou ele me controla?
    • Costuma sobrar dinheiro do meu salário ou apenas pago contas?
    • Eu sempre fecho o mês no vermelho?
    • Faço compras desnecessárias?

    Se você respondeu sim para uma dessas perguntas, significa que você provavelmente não está bem educado financeiramente. E infelizmente isso é comum no Brasil. Aqui, dinheiro é quase um tabu.

    Raramente é ensinado como deve-se lidar com o dinheiro em casa ou na escola. E isso prejudica a vida financeira de milhares de pessoas que não têm uma relação saudável com o dinheiro.

    Conceito de educação financeira

    O conceito de educação financeira é simples. Segundo a ENEF (Estratégias Nacional de Educação Financeira):

    "Trata-se do processo no qual os indivíduos melhoram a sua compreensão em relação ao dinheiro e produtos com informação, formação e orientação. 

    Nesse sentido, geram-se os valores e as competências necessárias para se tornarem mais conscientes das oportunidades e riscos envolvidos. Para assim poderem fazer escolhas bem informadas."

    Assim, neste texto resolveremos os principais tabus e abordaremos a introdução da educação financeira. Fique atento e leia até o final!


    Importância da Educação Financeira

    educacao-financeira-familiar

    Qual a importância de garantir um bom futuro para a sua família aprendendo como fazer uma boa economia financeira?

    Sem uma boa educação financeira, você dificilmente conseguirá ter sua independência financeira e ser bem sucedido. Muitos pensam que a riqueza é ligada à sorte.

    Mas não é bem assim. Pouquíssimas pessoas ficaram ricas sem querer, por acaso. Normalmente, isso é conquistado com muito trabalho.

    A riqueza é ligada a um planejamento traçado e realizado a cada atitude. Se não acredita o quão importante é a educação financeira, imagine a seguinte situação: um milionário dá R$ 100.000,00 a 10 pessoas.

    Após um mês com o dinheiro, 9 delas já não possuem o mesmo valor. Algumas compraram carros, deram entrada em casas ou compraram qualquer tipo de item que tende a perder valor ao sair da loja. Ou seja, essas pessoas gastaram o dinheiro.

    No entanto, uma delas resolveu não gastar nem um real e investiu tudo em uma aplicação financeira, garantindo assim que o capital não diminuiria, pelo contrário. Ela conseguiu formar uma carteira de investimentos que rende R$ 1.000 por mês.

    Muito bom, não é mesmo?

    No final, essa pessoa fez a mesma coisa que os outros: comprou produtos. A grande diferença é que em vez de gastar com produtos passivos (coisas que não trazem dinheiro), ele o fez com produtos financeiros ativos (aplicações que rendem dinheiro).

    Com o que você tem gastado sua renda, com produtos ativos ou apenas com passivos?

    Imagine outra situação: João recebe um salário de R$ 10.000, mas gasta R$ 11.000 por mês. Enquanto José ganha R$ 2.000, gasta R$ 1.500 e investe R$ 500. Quem é mais rico? 

    Perceba que João, apesar de ganhar mais, aumenta sua dívida mensalmente e José faz justamente o contrário.

    Então, não espere para poupar quando tiver o salário perfeito, esse dia talvez não chegue. Faça o melhor com o que tem em mãos.

    É muito importante ter a mentalidade de uma pessoa financeiramente consciente. Dinheiro não foi feito para gastar sempre como muitos pensam. Ele também foi feito para trabalhar por você, e não o contrário. 

    Por isso, nós aconselhamos que você não ceda aos seus impulsos financeiros. Economizar e investir é uma decisão muito sábia que poderá fazer a diferença no seu futuro.


    11 Dicas de Educação Financeira

    educacao-financeira-pessoal-dicas

    Pare de brigar com o seu dinheiro para acertar a sua vida. Confira as dicas para educação financeira!

    Todas essas dicas serão muito úteis para você. No entanto, colocar apenas uma ou nenhuma em prática não ajudará você em nada. Por trás de cada dica, está a lógica de um bom comportamento financeiro. 

    Então, leia com atenção e pratique cada uma delas!

    #1 - Domine as três etapas do acúmulo de riqueza

    Ganhe, economize e invista. É muito complicado conseguir acumular um patrimônio sem passar por esses três passos todos os meses. Se você tem dificuldades em se controlar, ao receber o seu salário, o primeiro passo é: pague todas as contas.

    Se tiver dívidas, negocie e parcele todas de forma que se encaixem no seu orçamento. Quando você fizer isso, deve sobrar dinheiro. Então, guarde um pouco para o mês e invista o restante ainda na primeira semana.

    #2 - Faça aplicações mensais (mas não na poupança)

    Como dito, a melhor forma de economizar dinheiro é investindo. E nós não aconselhamos que você faça isso na poupança, pois ela rende pouco, algumas vezes pode inclusive render menos do que a inflação

    Ao aplicar dinheiro em investimentos tão seguros quanto a Poupança, e mais rentáveis, como o CDB, Tesouro Direto, e outros produtos de renda fixa, entenda que você não está só emprestando para pegar os juros no final do mês, mas para deixar todo rendimento acumular e assim gerar um bolo de juros.

    Nova call to action

    #3 - Diferença Entre Preço e Valor

    Quanto vale 10 mil reais gastos em roupas, passeios ou eletrônicos? Muito pouco, não é mesmo? Todas essas coisas possuem um preço, mas pouco valor a longo prazo. Lembre-se: esses são gastos passivos.

    E quanto vale R$ 10.000 aplicados rendendo mais dinheiro todo mês? Essa opção tem muito mais valor.

    É importante que você entenda essa relação quando possuir dinheiro disponível. Faça escolhas deixando as emoções de lado. Não faça como algumas pessoas que decidem apenas baseando-se em marcas que não agregam nada além de preço.

    Cada coisa possui um preço e um valor, se o preço for maior que o valor, não faça negócio. Esse texto, por exemplo, possui um preço: o tempo investido. No entanto, o valor de tal conhecimento pode compensar, e muito, esse preço.

    #4 - Aprenda a Economizar

    Segundo uma pesquisa recente, 53% dos brasileiros compram por impulso. Então, existe uma grande chance de você ser um deles.

    Afinal, todo o sistema varejista é programado para fazer você comprar. As promoções sempre parecerão imperdíveis. Então, como dito, tente deixar as suas emoções e os seus impulsos de lado.

    Se está com muita vontade de fazer algo, tente não ir a uma loja que fornece isso. Pois você estará muito predisposto a comprar. Um bom exemplo é quando você vai ao supermercado com fome.

    Para evitar esse tipo de situação, e também não deixar de fazer as coisas que gosta, liste tudo o que o você quer a curto, médio e longo prazo. Então, pesquise e planeje o seu dinheiro para cada um dos seus objetivos.

    #5 - Estipule Metas

    O bom de possuir uma lista de prioridades em mãos é que você não precisa contar apenas com a sorte e sua capacidade de poupar. Por exemplo, se quer trocar de carro ano que vem e já possui uma entrada, você pode fazer um investimento de médio prazo.

    Isso ajudará você a poupar dinheiro e multiplicar o seu capital. Até mesmo planos de curto prazo podem ser realizados com a ajuda de investimentos. Veja um guia completo sobre aplicações de curto prazo.

    #6 -Entenda a Importância de Respeitar Seu Dinheiro

    Você provavelmente sabe de todo o esforço envolvido para ganhar dinheiro. Aprender a respeitar esse valor é a base da educação financeira.

    Muitas pessoas querem aumentos de salário e oportunidades de renda extra, mas esquecem que o dinheiro economizado tem o mesmo valor do dinheiro extra. É muito mais simples deixar de gastar do que ganhar mais.

    #7 - Faça um planejamento e pague suas dívidas

    Uma das partes mais importantes da educação financeira é consertar os erros do passado como deixar contas acumularem por exemplo. Os juros são altos e podem comprometer qualquer planejamento financeiro.

    Então, negocie suas dívidas e depois faça um planejamento futuro de acordo com seus ganhos e capacidade de poupar. Esse será o seu plano de ação para ficar rico. Não hesite em revisar esse planejamento de tempos em tempos.

     

     

    #8 - Esteja Preparado Para Imprevistos Financeiros

    Depois que negociar as dívidas e colocar a "casa em ordem", é fundamental estar preparado para novos imprevistos. Então, o seu primeiro objetivo financeiro deve ser investir para criar uma reserva de emergência.

    Ela deve equivaler ao seu custo de vida por 6 meses. Esse dinheiro só pode ser usado para situações que realmente não teriam como ser planejadas como gastos médicos, problemas no carro e etc.

    #9 - Converse com seu parceiro

    Economizar e ter educação financeira é como tentar ser mais saudável com uma reeducação alimentar. Por isso, esse processo pode ser muito mais fácil com o apoio e motivação do seu parceiro, assim como pode ser mais difícil se ele não estiver buscando a mesma coisa.

    Por isso, converse com ele(a) e explique o seu planejamento, quais são os objetivos que você deseja realizar e como você quer chegar lá.

    Isso não vai garantir apenas o seu sucesso financeiro, mas também um relacionamento mais feliz. Segundo pesquisa, dinheiro é a principal razão de brigas conjugais

    Assim, não há nada melhor do que a comunicação transparente entre o casal para que o planejamento financeiro seja realmente efetivo.

    #10 - Prepare-se para a sua aposentadoria

    Se tudo der certo, todos devem parar de trabalhar um dia e você não quer depender apenas da previdência quando a sua hora chegar, não é?

    A educação financeira também deve ajudá-lo a estar preparado para o futuro. Por isso, uma ótima dica é planejar a sua aposentadoria agora.

    Pode ser difícil pensar a tão longo prazo, mas quanto antes você começar a se planejar e a economizar, melhor. Então, reflita com essa questão:

    Quando você não estiver mais ativo profissionalmente, de quanto você precisa para viver de forma tranquila, levando em conta seus gastos médicos?

    Com base nesse valor, você pode ter uma ideia de quanto precisa ter acumulado no momento da sua aposentadoria.

    # 11 - Aprenda a investir

    Isso é muito importante. E ao se tornar um cliente Rico, você terá diversas salas ao vivo a sua disposição. Bastar entrar com sua conta na InvesTV para falar com especialistas sobre assuntos do mercado financeiro.

    Destacamos a sala "Escola de Investidores", para quem estiver começando. Clique aqui para conferir!

    Além disso, em nosso blog e canal do YouTube, você também encontrará muitos outros guias sobre os mais diversos tipos de assuntos importantes para a sua educação financeira. 

    Você é uma pessoa com aversão a investimentos? Confira a história do vídeo abaixo e mude seu pensamento:


    Educação Financeira na Escola?

    Infelizmente, muito pouco se falava sobre dinheiro e educação financeira na escola. Antigamente, o máximo que se aprendia era como preencher cheques. 

    O brasileiro, em sua maioria, ainda está aprendendo a gerenciar o seu dinheiro. 

    Segundo pesquisa, apenas 8% dos brasileiros conseguiram guardar dinheiro em 2018.

    Em 2017, a educação financeira foi incluída na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) da educação infantil e do ensino fundamental. Isso significa que o assunto pode e deve ser abordado além da matéria de matemática.

    O Banco Central, inclusive, fez um programa para integrar a Educação Financeira em matérias como matemática, português e ciências que pode ser utilizado por escolas públicas. Basta que as secretarias de educação dos municípios queiram. 

    As instituições têm até o início do ano letivo de 2020 para adequar os currículos e propostas pedagógicas à BNCC.

    A ideia da educação financeira na escola não é formar milionários, mas sim ajudar as pessoas a viverem bem com o que ganham.

    Como Ficar Rico Em Pouco Tempo Com Educação Financeira Pessoal?

    educacao-financeira-ficar-rico-rapido

    Não existem atalhos na educação financeira. Cuidado com qualquer promessa de dinheiro fácil!

    Essa é a primeira lição da educação financeira. É bem difícil enriquecer rápido se você continuar deixando o dinheiro na Poupança.

    Porém, mesmo investindo, é importante saber que o dinheiro não renderá da noite para o dia uma grande quantia.

    Com o passar dos anos e com aplicações mensais, os juros compostos farão o trabalho. Fazendo com que o próprio rendimento da carteira comece a render e assim sucessivamente, gerando uma bola de neve financeira.

    Então, tenha paciência. É melhor ser disciplinado por alguns anos e ter paz no presente com um futuro garantido do que gastar o dinheiro com coisas que são passageiras e daqui poucos meses já não terão valor. 

    O quanto antes você começar a investir, melhor.

    Nova call to action

    Aprenda Mais: Livros de Educação Financeira

    Os princípios da educação financeira valem para o empreendedorismo e para diversas outras situações da vida. Afinal, a educação financeira é uma área muito relacionado ao comportamento humano e sua relação com o dinheiro.

    Por isso, vale a pena estudar mais a fundo, principalmente os grandes autores da área.

    Separamos a seguir dois livros indicados pelo Thiago Nigro, o Primo Rico, em seu podcast. Você pode adquirir o livro e depois ouvir a conversa sobre ele no Spotify do Primo.

    Mais Esperto que o Diabo - Napoleon Hill

    Este livro relata uma conversa entre o Ser Humano e o Diabo, evidenciando tudo o que dificulta o desenvolvimento humano como o medo, procrastinação, raiva, ciúmes e outras coisas que são consideradas armas do Diabo para alienar o Ser Humano e impedir seu sucesso.

    Napoleon Hill (1883 - 1970) foi um grande estudioso e autor sobre dinheiro, comportamento humano e sucesso. Ele chegou a ser o conselheiro do ex-presidente dos Estados Unidos, Franklin D. Roosevelt.

    Princípios - Ray Dalio

    Esse livro é uma obra consultiva de um dos maiores investidores e empreendedores do Mundo: Ray Dalio. Ele é considerado o Steve Jobs dos investimentos e fundou a quinta empresa privada mais importante dos EUA: Bridgewater Associates (gestora de fundos hedge).

    Dalio resumiu os princípios que ele considera terem sido fundamentais na construção do seu patrimônio bilionário e de sua vida. 

    Comece a Investir Hoje Mesmo

    Bom, agora que você aprendeu bastante sobre educação financeira, que tal colocar um pouco desse conhecimento em prática? Abra a sua conta na Rico e comece a investir o quanto antes para  construir o seu próprio patrimônio.

    Saiba como no passo a passo a seguir:

    #1 - Abra sua conta

    É fácil abrir a sua conta. Você só precisa do seu CPF, uma conta residencial e acesso à internet. Clique aqui para começar.

    Leva apenas alguns minutos para completar. Depois disso, sua conta será avaliada e ela pode ser aberta no mesmo dia. Caso algum documento não esteja correto, enviaremos um e-mail para você.

    #2 - Transfira o capital a ser investido

    A sua conta recém aberta funciona como uma conta-corrente bancária. A diferença é que só você pode enviar dinheiro para ela. Em outras palavras, ela só aceita TED entre a mesma titularidade, para a sua segurança. Então, transfira o que pretende investir para ela.

    Esse é um processo quase instantâneo. 

    #3 - Escolha um investimento

    Essa é a parte em que você não precisa ter pressa. Siga o conselho de Warren Buffet, maior investidor da história, "nunca invista em algo que não entende".

    Então, leia mais sobre o investimento em nosso blog, veja os vídeos do nosso YouTube e quando estiver seguro, escolha uma aplicação e invista.

    Nossa recomendação é que você comece construindo sua reserva de emergência com investimentos de alta liquidez (com resgate facilitado), como o Tesouro Selic.

     

     


    Conclusão

    educacao financeira conclusao

    Pronto para mudar hábitos e se tornar um novo eu, após essa orientação financeira?

    A educação financeira é um longo caminho, mas como toda jornada, ela começa com o primeiro passo. Esse passo deve ser assumir um compromisso consigo mesmo e mudar a relação que tem com o dinheiro.

    O melhor caminho para isso é abrindo uma conta na Rico e começando a investir mensalmente. Muitos clientes só conseguiram se controlar financeiramente quando começaram a ver seu dinheiro multiplicando-se na Rico.

    No começo será difícil, mas quando você conseguir fazer o dinheiro sobrar, pagando as contas e investindo, tudo valerá a pena. 

    Leia outros textos do nosso blog:

    Seguindo as dicas desse texto, com certeza você conseguirá acumular um patrimônio de forma saudável e crescente. Isso pode levar um tempo, mas pense bem: se você tiver feito isso há 5 anos, já estaria muito bem agora.

    Como é impossível voltar no tempo, o melhor momento para adotar uma boa educação financeira é hoje mesmo. A tranquilidade de ter tudo sob controle será imediata!

    Se ficou com qualquer tipo de dúvida ou gostaria de um resumo sobre como ter uma boa educação financeira, deixe o seu comentário logo abaixo!

    Nova call to action

    Topics: Finanças Pessoais

    Top 5 Posts

    Posts Recentes