{% set baseFontFamily = "Open Sans" %} /* Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set headerFontFamily = "Open Sans" %} /* This affects only headers on the site. Add the font family you wish to use. You may need to import it above. */

{% set textColor = "#565656" %} /* This sets the universal color of dark text on the site */

{% set pageCenter = "1100px" %} /* This sets the width of the website */

{% set headerType = "fixed" %} /* To make this a fixed header, change the value to "fixed" - otherwise, set it to "static" */

{% set lightGreyColor = "#f7f7f7" %} /* This affects all grey background sections */

{% set baseFontWeight = "normal" %} /* More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set headerFontWeight = "normal" %} /* For Headers; More than likely, you will use one of these values (higher = bolder): 300, 400, 700, 900 */

{% set buttonRadius = '40px' %} /* "0" for square edges, "10px" for rounded edges, "40px" for pill shape; This will change all buttons */

After you have updated your stylesheet, make sure you turn this module off

16 Dicas de Economia Doméstica Para Toda a Família (A 6ª é Essencial!)

by Rico.com.vc on Novembro 27, 2017

o que e economia domestica

Você sabia que a economia doméstica é um dos segredos dos maiores investidores?

A economia doméstica é muito importante para o orçamento familiar. Ela também é a chave para a construção de um bom patrimônio.

Mesmo que muitas pessoas consideram impossível economizar, mudanças simples no estilo de vida podem fazer a diferença.

Investir em educação financeira é essencial para a economia doméstica da sua família.
Leia este outro artigo do nosso blog e aprenda tudo sobre finanças!

Ao aplicar as dicas de economia domésticas que vamos te passar, você vai perceber a diferença no final do mês é significativa. Talvez esse seja o principal motivo pelo qual o mês esteja fechando no vermelho.

Pensando nisso, preparamos um artigo completo com como fazer economia doméstica para toda a sua família, incluindo também as crianças:

  • O que significa economia doméstica
  • Importância de cuidar das finanças domésticas
  • Economia Doméstica: Como fazer
  • 16 Dicas de economia doméstica poderosas
  • Como fazer render o dinheiro economizado

Se tiver qualquer dúvida, deixe um comentário no final da página.

Boa leitura!

O Que Significa Economia Doméstica

economia domesticaA economia doméstica incentiva o consumo consciente

A economia doméstica é a área do conhecimento que engloba conceitos de administração, educação, nutrição e serviço social. Iniciou no século XIX, na Europa, com a finalidade de mostrar às pessoas que todos os recursos são finitos.

No Brasil, foi apenas na década de 30 que surgiram as primeiras aplicações. E pelo visto, ainda hoje, a grande maioria ainda não tem o hábito de poupar.

O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) divulgaram, em agosto de 2017, que há mais de 59 milhões inadimplentes no Brasil. 

O objetivo da economia doméstica é transformar a atividade de poupar em um hábito, evitando, assim, o desperdício e incentivando o consumo sustentável.

Importância de Cuidar das Finanças Domésticas

economia domestica importancia

Ter um lar equilibrado financeiramente ajuda em todas as outras áreas da sua vida

Cuidar das finanças domésticas é essencial para todas as pessoas. A falta de controle financeiro é a fonte das dívidas e da inadimplência.

Um dos pontos principais de cuidar do orçamento doméstico é guardar dinheiro para eventualidades como desemprego e problemas de saúde.

A pesquisa mais recente da ANBIMA revelou que mais de 52% da população não possuem reservas de emergência. É um fato alarmante, que demonstra a falta de conhecimento sobre economia doméstica.

Além disso, cuidar das finanças é um dos caminhos para alcançar os seus objetivos.

Se você quer comprar o tão sonhado imóvel ou fazer uma viagem nas férias, você precisa cuidar do seu orçamento. Caso contrário, a distância entre você e os seus sonhos ficará ainda maior.

Planejar as finanças é ainda mais essencial para as pessoas que têm filhos conseguirem oferecer uma boa qualidade de vida para a família no longo prazo.

Um orçamento familiar bem estruturado também é importante para iniciar as reservas financeiras para a aposentadoria. Quanto mais cedo você começar, mais dinheiro terá no futuro.

16 Dicas Poderosas de Economia Doméstica Para a Família Toda

Agora que você já sabe o significado, vamos mostrar como fazer economia doméstica com pequenas e significativas mudanças no seu dia a dia.

Confira estas 16 dicas poderosas:

1 - Comece agora

O primeiro passo é justamente este: não deixar para amanhã. Comece com uma avaliação da saúde financeira da sua família.

O importante é perceber a importância da economia doméstica, o quanto você pode economizar e quais objetivos quer alcançar.

2 - Organize-se

Esta é a chave da economia doméstica. Faça um levantamento de todas as entradas e saídas no seu orçamento familiar.

Muitos pensam que isso custa muito tempo, mas, na verdade, uma hora semanal é o suficiente para colocar tudo em dia. Você vai perceber que a organização será muito valiosa no futuro.

3 - Utilize planilhas

Esta é a melhor ferramenta da organização. Utilize uma planilha ou aplicativo para anotar todos os seus ganhos e gastos. Todos mesmo! Até o cafezinho deve entrar.

Ao organizá-los, você obtém o seu mapeamento financeiro. E então, você saberá exatamente para aonde está indo o seu dinheiro. A partir disso, ficará mais fácil saber por onde começar.

Os dados da pesquisa realizada pelo SPC Brasil mostraram que 41% dos inadimplentes têm pouco conhecimento sobre as suas contas básicas. Isso demonstra a falta de planejamento e organização do orçamento.

4 - Corte gastos

Verifique todos os seus gastos mensais e os classifique-os por importância. Assim, você saberá que os menos relevantes podem ser eliminados do seu orçamento.

Um dos maiores buracos orçamentários são os gastos supérfluos como TV a cabo, planos de telefonia e serviços de assinatura. Estes são alguns exemplos que podem ser facilmente cortados se necessário.

5 - Pague as suas dívidas

Não há como fazer economia doméstica com vidas. Esse é o primeiro destino do dinheiro economizado. Famílias endividadas não têm boas perspectivas financeiras para o futuro.

Comece conhecendo quais são os pagamentos em atraso. Depois disso, inicie o pagamento por aqueles que têm valores ou juros mais altos.

Dependendo da dívida, você pode pedir para a instituição o parcelamento facilitado ou abatimento do valor no pagamento à vista.

6 - Reserva financeira

Todas as famílias precisam de uma reserva financeira para emergências. Antes de pensar nos grandes objetivos para o seu dinheiro, é necessário separar um valor para o inesperado.

Os especialistas recomendam que esse colchão de liquidez deve ter, no mínimo, o valor equivalente a seis meses das despesas da sua família.

7 - Pesquise

Esta é uma das bases para a economia doméstica. Antes de comprar qualquer coisa, por menor que seja, você deve pesquisar os preços.

Hoje, há muitas ferramentas online que facilitam essa tarefa. Dependendo do produto é fundamental conhecer os preços nas lojas físicas e online. A economia pode chegar a 80%.

8 - Peça descontos

Deixe a timidez de lado e peça descontos nas suas compras. Você pode conseguir preços muito melhores que os praticados. Isso vale para produtos e serviços.

Nas compras online, você pode negociar o valor com o suporte da empresa, utilizar cupons promocionais e também optar pelo frete grátis. A economia pode chegar a 30%.

9 - Supermercado

Seguindo estas sugestões, você pode economizar mais de 30% nas suas compras:

  • Faça uma lista de compras: antes de ir ao supermercado, verifique os armários e liste tudo o que é realmente necessário.
  • Faça um planejamento semanal das refeições: desta forma, você saberá o quanto precisa comprar e evita desperdícios.
  • Experimente novas marcas: deixe o julgamento de lado e conheça os produtos mais baratos. Eles podem ser melhores que as marcas tradicionais.
  • Evite ir às compras com fome: parece mentira, mas ir ao supermercado com fome é uma armadilha. Você vai comprar além do necessário, por conta da necessidade de comer.
  • Vá sozinho: várias pesquisas científicas mostram que gastamos mais quando estamos acompanhados. Para economizar, vá sozinho ao supermercado.

10 - Alimentação

A alimentação é onde a maioria dos brasileiros mais gasta sem perceber. Separamos algumas dicas de como você pode praticar a economia doméstica:

  • Conheça casas de produtos naturais: é uma forma de economizar muito ao comprar temperos e mantimentos. Os preços podem custar 50% a menos que no supermercado.
  • Saiba o consumo da sua família: compre apenas a quantidade de comida necessária. O estoque pode levar ao desperdício.
  • Faça as refeições em casa: comer fora de casa gera altos gastos. Por exemplo, ao pagar R$ 20 para almoçar todos os dias, em um ano você terá gasto mais de R$ 5.000. Impressionante, não é?
  • Conheça as frutas e verduras da época: é uma boa maneira de consumir pagando pouco e diversificar a alimentação.
  • Tenha uma horta: com a sua própria horta você evita o desperdício e economiza mais de 70%.

11 - Energia

A conta de energia pode comprometer o seu orçamento. A boa notícia é que você e toda a sua família podem adotar medidas simples para a redução desta conta. Confira:

  • Apague as luzes: ao sair de ambientes que não estão sendo utilizados, não deixe as lâmpadas acesas.
  • Iluminação natural: aproveite a luz do dia, deixando as janelas da sua casa abertas. Utilize cores claras nas paredes, pois facilita que a iluminação natural permaneça por mais tempo.
  • Reduza o tempo no banho: o chuveiro é um dos vilões da conta de energia. Conscientize a sua família a tomar banhos mais rápidos e utilizando temperaturas mais amenas.
  • Troque as lâmpadas: utilize na sua casa as lâmpadas econômicas, como as de LED. A economia chega a 60% das incandescentes e a iluminação é mais agradável.
  • Organize: acumule a quantidade de roupas equivalente à capacidade máxima da sua máquina de lavar. E também passe as roupas de uma só vez.
  • Reaproveitadores: os painéis solares são fontes de energia limpa. Você pode utilizar para aquecimento de água ou para alimentar lâmpadas.
  • Temporizador: utilize os temporizadores da televisão e ar-condicionado a favor da economia doméstica. Evite  dormir com esses aparelhos ligados.
  • Manutenção: verifique a vedação do seu ar-condicionado, geladeira e forno elétrico. Eles podem gastar muita energia com mau isolamento.
  • Compre eletrodomésticos econômicos: a classificação A são os mais eficientes no uso da energia elétrica.

12 - Água

A economia doméstica depende da redução dos gastos fixos mensais, como a fatura da água. Além disso, tenha a consciência de que este é um recurso finito e escasso.

  • Feche as torneiras: evite lavar as louças e escovar os dentes com a torneira aberta.
  • Verifique os vazamentos: torneira vazando água é desperdício de água. Conserte ou troque se estiverem com este problema.
  • Eficiência: regule temporizadores de descarga e de torneiras na sua casa. A economia supera 50%.
  • Programa de lavagem: conheça os modos de lavagem da sua máquina e escolha o mais adequado para cada tipo de roupa.
  • Reaproveite: utilize a água onde você lavou as roupas para lavar calçadas ou regar hortas.

13 - Consumo consciente

Uma das maneiras de fazer uma boa economia doméstica é praticar o consumo consciente. Isso serve tanto para as compras, quanto para o destino do que você não precisa mais.

Uma pesquisa recente feita pelo SPC Brasil mostra que apenas 28% dos brasileiros são consumidores conscientes. Isto é, há muito desperdício ou acúmulo desnecessário.

Antes de comprar, analise se há realmente a necessidade do item. Caso a sua família consiga viver sem, adie a decisão de compra. Você pode encontrar preços melhores.

Além disso, compre apenas a quantidade necessária. Por que ter 30 calças se você só utiliza 3? Você sabia que pode ganhar dinheiro com o que você não usa?

Hoje, há vários meios de vender o que você não utiliza mais. Você pode vender online ou para lojas de itens usados. Além de desocupar a sua casa, você ainda junta uma grana!

14 - Pague à vista

Evite qualquer parcelamento, cartão de crédito ou cheque. Esses são os maiores vilões dos endividados. No fim, você paga mais pelos juros, do que pelo valor nominal da compra.

Em agosto de 2017, os juros do cheque especial estavam em 371,3% ao ano e os do cartão de crédito rotativo, em 397,4% a.a. Ou seja, é muito mais viável e econômico pagar à vista.

Além disso, você terá um controle muito maior sobre as suas compras. Induzindo ao consumo consciente e a pesquisar antes de comprar algo.

15 - Transporte

Essa dica é muito importante para toda a família. O carro pode gerar gastos enormes. Para isso, procure meios de locomoção alternativos como a bicicleta e caminhada. São gratuitos e você ainda beneficia a sua saúde.

Você também pode organizar os horários para ir ao trabalho pelo mesmo trajeto da escola dos filhos. Assim, você já economiza tempo e dinheiro.

16 - Renda extra

Entender como ter renda extra é uma forma de ter mais dinheiro no orçamento familiar. Hoje, há diversas formas de ter uma renda extra. Você pode montar o próprio negócio ou investir em algum hobby, como cozinhar.

Economize a quantia obtida nestes trabalhos para construir as suas reservas financeiras. E também para realizar os sonhos da sua família.

Como você pode ver, para praticar a admnistração doméstica, não há nada fora do comum. E as dicas podem ser aplicadas por todos da família hoje mesmo. No final do mês, o orçamento mostrará a diferença.

Como Fazer Render o Dinheiro Economizado

economia domestica como economizar

Investir é o melhor caminho para as suas economias

Os conhecimentos sobre economia doméstica também englobam o que fazer com o dinheiro economizado. A partir disso, vamos mostrar as formas de como você pode fazer isso.

O primeiro passo é fazer o seu orçamento mensal e separar a quantidade a ser guardada antes mesmo de utilizar para pagar as contas ou compras.

Então, faça como os homens mais ricos do mundo, invista o valor economizado. Deste modo, você faz o seu dinheiro trabalhar por você!

Para isso, você precisa abrir uma conta em uma corretora de confiança como a Rico. Aqui você terá à disposição os melhores produtos do mercado! É rápido, 100% online e 100% gratuito!

A partir de R$ 30, você já pode se tornar um investidor. Há diversas modalidades de investimentos rentáveis e seguros como o Tesouro Direto,  os CDBs e as LCI/LCAs. Também tem os ativos em renda variável, como as ações.

Para definir qual a melhor aplicação, você precisa definir os seus objetivos ao investir, conhecer o seu perfil investidor, os aportes disponíveis e o prazo de investimento. Conte com a ajuda dos nossos especialistas!

Conclusão

economia domestica conclusao

A economia doméstica é essencial os investimentos

A economia doméstica é um conjunto de conhecimentos como nutrição, financeiro e serviços sociais. Eles são aplicados com o objetivo de gerar consumo consciente e melhor aproveitamento dos recursos em casa.

Para começar, você precisa fazer um planejamento financeiro por meio de planilhas ou aplicativos. Com esse mapeamento, fazer os cortes necessários.

Ao iniciar a economia doméstica, você a sua família devem priorizar o pagamento das dívidas e a formação da reserva de emergência.

É possível economizar em todas as áreas, como na conta de energia elétrica, no supermercado e, até mesmo, vendendo o que a sua família não precisa mais. São medidas simples que formam grandes somas.

Com o dinheiro economizado, você pode aplicar no Tesouro Selic, por exemplo. Este é um meio seguro e que oferece uma rentabilidade superior à poupança

Continue aprendendo onde investir as suas economias lendo estes artigos do blog:

Não há melhor escolha que investir. Desta forma, você estará no caminho certo para atingir os seus objetivos e também para motivar a família a economizar ainda mais.

Há investimentos em renda fixa tão seguros quanto a poupança e que rendem muito mais. E os ativos em renda variável, que prometem ganhos ainda mais expressivos.

Para começar, dê o primeiro passo. Abra a sua conta agora mesmo aqui na Rico e dê ao seu dinheiro o melhor caminho!

Gostou deste artigo? Então deixe o seu comentário com sugestões e dúvidas.

Obrigado por ler até aqui!

Topics: Finanças Pessoais

Top 5 Posts

Posts Recentes